Futebol

O Grêmio intensifica os preparativos para o jogo contra o Avenida pelo Gauchão

Na manhã dessa quinta-feira, o centro de treinamentos Luiz Carvalho teve mais uma sessão de atividades para o grupo do Grêmio, com foco total no jogo contra o Esporte Clube Avenida, de Santa Cruz do Sul.

O compromisso, válido pela sexta rodada do Campeonato Gaúcho, está marcado para As 18h30min deste domingo na Arena e vale também a taça da Recopa Gaúcha de 2019.

O técnico Renato Portaluppi comandou um treino técnico de dois toques em campo reduzido, orientando jogadas de ataque contra defesa com times alternados e exigindo movimentação, toques rápidos, raciocínio ligeiro e finalizações.

A ausência ficou por conta de Matheus Henrique, que apenas correu em volta do gramado. O lateral Léo Moura, que não joga desde o duelo contra o Juventude, correu e voltou a trabalhar com bola, mas em separado dos colegas e sob a supervisão da equipe de fisioterapia.

Nessa movimentação, o “professor” não deu indicativo de qual escalação pretende colocar em campo. A hipótese mais provável é que ele comece o primeiro tempo com Paulo Victor, Leonardo, Geromel, Kannemann, Cortez,
Michel, Maicon, Marinho, Luan, Everton e Jael.

Líder da tabela, com 13 pontos, o Grêmio ainda tem mais duas sessões de preparativos antes de receber o Avenida, oitavo colocado (6 pontos). As atividades estão marcadas para as manhãs desta sexta-feira e sábado.

Com a palavra, Bruno Cortez

Em conversa com a imprensa, o lateral-esquerdo Bruno Cortez destacou as boas atuações de Juninho Capixaba no Gauchão, a disputa sadia por uma vaga em sua posição e a sequência positiva de resultados.

“A gente olha os lances positivos e negativos de cada jogo, para então melhorar no próximo”, declarou. “A humildade do grupo é um dos ‘segredos’ da evolução e da evolução da nossa equipe.”

Leia:  A Conmebol muda as datas de jogos da Libertadores por conta de amistosos de seleções sul-americanas

O CatanduvasMais é um agregador de notícias, logo todo o conteúdo desta notícia é de responsabilidade do Jornal O Sul.

Deixe sua opinião:

pessoa(s) deixaram sua opinião. Sua opinião é muito importante, participe!