Futebol

Grêmio vai em busca de respostas para tratar “recuperação lenta” de Paulo Miranda

*Valéria Possamai

Fora do time há mais de dois meses, Paulo Miranda seguirá como baixa no Grêmio na partida desta quarta-feira, na estreia da Copa do Brasil. Havia a expectativa pelo seu retorno neste jogo, contudo, o defensor voltou a sentir problema muscular e fica de fora da deleção. Justamente por conta dessa “demora” no processo de recuperação, o jogador será submetido a uma série de exames.

A comissão médica do clube busca as causas para entender o porquê na cicatrização lenta no caso do jogador. Paulo Miranda sofreu um estiramento na coxa direita, de grau 2, e não atua desde o dia 17 de março, no Grenal da primeira fase do Campeonato Gaúcho.

Nas últimas semanas, o zagueiro retomou aos trabalhos de recuperação física. Chegou a participar dos treinos com bola na última semana, na preparação para a partida contra o Ceará. Mas o técnico Renato Portaluppi acabou descartando a ida para a Fortaleza, por conta da condição física do atleta.

No último sábado, Paulo Miranda passou por um teste. Atuou no jogo-treino contra a equipe Sub-23. E, foi onde voltou a sentir o problema na coxa. Assim, seguirá novamente realizando trabalhos específicos com a comissão médica. Além disso, o jogador irá realizar uma série de exames para descobrir a causa da recuperação tardia das lesões.

Sem Paulo Miranda e com a baixa recente de Kannemann, o Grêmio tem recorrido a improvisação para escalar sua defesa. Michel tem sido o companheiro de zaga de Pedro Geromel.

*estagiária sob supervisão de Marjana Vargas 

O CatanduvasMais é um agregador de notícias, logo todo o conteúdo desta notícia é de responsabilidade do Jornal O Sul.

Deixe sua opinião:

pessoa(s) deixaram sua opinião. Sua opinião é muito importante, participe!

Leia:  Inter marca reunião para definir futuro de Rithely, alvo do Vasco