Política

Faustão certamente teme o fim do repasse de R$10 bilhões à Globo pelo Governo Federal

No final das contas, no Brasil, parece que continua valendo a máxima ‘cada um ‘defende o seu’. Faustão tem um dos maiores salários da Globo e deve estar temeroso com a possibilidade do corte ou redução das polpudas verbas federais que sustentaram o Grupo Globo nos últimos anos. Foram R$10 bilhões em ‘publicidade estatal’ injetados na empresa, o que certamente garantiu altos salários e lucros para todos os envolvidos.

Bolsonaro sinalizou em algumas oportunidades que poderia cortar ou diminuir este pesado custo à nação. Esta então seria uma explicação para os ataques o apresentador proferiu ao presidente que tem apenas alguns dias de mandato.

Neste domingo (6) Fausto Silva desabafou sobre política no “Domingão do Faustão” exibido neste domingo (6), na Rede Globo. Sem citar nomes, o apresentador falou sobre “um idiota que está ferrando com todo mundo” e “novos ares” após a atriz Sophie Charlotte defender a Amazônia e o Carnaval brasileiros.

“O brasileiro, na hora do Carnaval e na hora seleção, nós sabemos muito bem, é um povo que tem união, tem solidariedade, tem uma integração. Por que isso não acontece nas coisas sérias?”, questionou.

“Lutar pela educação, por saúde pública, contra a corrupção, contra a incompetência, que é uma forma de corrupção. O imbecil que está lá -e não devia estar- pode até ser honesto, mas é um idiota que está e está ferrando com todo mundo. Você paga imposto, o que você recebe? Vamos ver se esses novos ares vão mudar, tem que rezar para dar certo”, completou o apresentador, dando a entender estar falando de Jair Bolsonaro.

De 2000 a 2016, o Grupo Globo recebeu R$ 10,2 bilhões da União.

Essas informações foram publicadas no site Poder360 há pouco mais de 1 ano, em 5 de julho de 2017, numa reportagem com apuração de Mateus Netzel. Eis os valores recebidos pelas empresas do Grupo Globo. A soma dos totais das 4 colunas resulta em R$ 10,2 bilhões:

Leia:  A vida boa de Dilma e seus assessores marajás

O CatanduvasMais é um agregador de notícias.

Deixe sua opinião:

pessoa(s) deixaram sua opinião. Sua opinião é muito importante, participe!